Como Ingressar no Exército

O Exército Brasileiro é uma das defesas nacionais mais requisitadas entre os adeptos das carreiras militares. Constituído por diversos cargos importantes, o exército pode ser a carreira tanto de homens quanto de mulheres. Mas para isso, é necessário passar por algumas etapas importantes que podem ir desde o Alistamento Militar até a realização de concurso público.

Neste post, explicaremos em mais detalhes como é formado o exército brasileiro, quais são as suas principais características e carreiras que podem ser seguidas. Além disso, ensinaremos como ingressar no exército seguindo algumas etapas. Confira tudo isso a seguir e muito mais.

 

Função do Exército Brasileiro

Sendo uma das mais importantes defesas do país, o exército brasileiro atua para garantir que haja a soberania nacional, poderes constitucionais e para que a lei e a ordem prevaleçam. Dessa forma, os militares atuam protegendo os interesses do Brasil, proporcionando o desenvolvimento do país e o bem-estar dos habitantes. Site oficial: http://www.eb.mil.br/

Mas para que tudo isso seja possível, o exército tem a grande função de preparar soldados para garantir a Força Terrestre. Esses soldados ficam a todo momento em estado de prontidão. Caso haja necessidade do poder militar, eles são acionados para o serviço. Essa força terrestre é constituída basicamente de homens e mulheres, que podem ter ingressado no exército por meio do alistamento militar ou através de concurso público.

banner exercito

 

Formas para ingressar no exército

Para entrar no exército brasileiro os candidatos possuem duas opções: alistamento militar e concurso público. A primeira opção está disponível apenas para homens, que devem cumprir essa etapa de forma obrigatório. Já no caso de homens e mulheres que desejam ingressar no exército, outra porta disponível é a realização de concurso público, que irá guiar o candidato até uma escola militar para iniciar a carreira. Formas: http://www.eb.mil.br/web/ingresso/como-ingressar

Mas como há duas opções diferentes para ingressar no exército brasileiro, vamos explicar em detalhes como você deverá ingressar no exército por meio dessas opções. Confira a seguir como você deverá fazer isso:

 

Serviço Militar

Se você é homem e ainda não passou pelo serviço militar, essa é a forma mais fácil de ingressar no exército, considerando que todos os homens com 18 anos devem realizar o alistamento militar para serem ou não escolhidos pelo exército. Os critérios nesta etapa são definidos pelo Ministério da Defesa do país, o que pode incluir vários fatores diferentes. O mais importante nesta etapa é que o candidato demonstre seu interesse em fazer parte do exército brasileiro.

Caso você seja aprovado durante o alistamento militar, você já poderá se considerar parte do exército. Nesse primeiro cargo você terá que atuar por um período de um ano de forma obrigatória. Esse serviço será remunerado e poderá ser abandonado após um ano caso você não queira continuar com a carreira militar. No entanto, para os jovens que sonham com a carreira militar, após um ano é possível realizar novos cursos e evoluir dentro do exército brasileiro.

 

Concurso público

Agora, se você é mulher ou não foi aprovado no alistamento militar, saiba que é possível entrar no exército através de concurso público. Nesse caso, é recomendado que você estude sobre o concurso público que pretende fazer, pois ele te guiará para a escola militar correspondente. Além disso, você pode procurar por cursinhos preparatórios para aumentar as suas chances de passar em um concurso público do Exército Brasileiro.

Nesta modalidade, homens e mulheres podem tentar a sorte em diversas escolas militares. A grande vantagem de entrar para o exército dessa forma é que a idade mínima é de 16 anos. Caso sejam aprovados, os candidatos são encaminhados primeiramente para a “Escola Preparatória de Cadetes do Exército“.

Para subir de carreira e conquistar novas áreas no exército, os militares têm ainda a opção de realizar novos exames e entrar para outras escolas militares específicas para cada área de atuação. Confira a seguir um resumo de carreiras e dos requisitos necessários para realizar o exame:

 

Formação de cadetes

Como já mencionamos, a primeira escola que os recém-aprovados em concurso terão que passar é a Escola Preparatória de Cadetes do Exército, também chamada de EsPCEx. Neste primeiro momento, os jovens são treinados a serem Oficiais Combatentes do Exército, onde poderão ainda acessar de forma garantida a “Academia Militar das Agulhas Negras”, a Aman.

A duração dessa primeira formação é de 1 ano e segue os padrões de requisitos já informados anteriormente.

 

Formação de Oficiais Combatentes de Material Bélico e Intendência

Após o primeiro ano de estudo na EsPCEx, os candidatos podem seguir para a Aman, que é a Academia Militar das Agulhas Negras. Nesta formação, o soldado permanece por 4 anos em estudo. Não há pré-requisito para entrar na Aman. Todos os cadetes formados pela EsPCEx podem entrar na Academia Militar das Agulhas Negras.

 

Formação de Oficiais Engenheiros

Para quem visa se profissionalizar em engenharia militar, o IME “Instituto Militar de Engenharia” oferece a formação profissional de Oficiais do Quadro de Engenheiros. Essa formação está disponível para homens e mulheres e possui duração de 5 anos.

 

Formação complementar do Exército

A formação de Oficiais Complementares do Exército está disponível para ambos os sexos com o único pré-requisito que é a formação de cadete, que é a primeira escola da carreira militar. Nessa formação, os oficiais poderão seguir com preparação para atuar em diversas áreas, sendo elas: informática, magistério, ciências contábeis, administração, direito, economia, estatística, psicologia, pedagogia, enfermagem, veterinária e comunicação social.

 

Formação de Médicos Oficiais

Para os oficiais que desejam entrar para a carreira médica no exército, a EsSExEscola de Saúde do Exército” oferece essa possibilidade para militares dos dois sexos. Nesse tipo de formação, o período de curso é de 35 semanas, tendo como pré-requisito a formação básica de Oficial Combatente de Material Bélico e Intendência.

 

Formação de Sargentos das Armas

Agora, se o militar está em busca de uma carreira ainda mais promissora no exército, há a possibilidade de se especializar em Sargento das Armas por meio da “Escola de Sargentos das Armas“. Nesse tipo de formação, o militar recebe o cargo de Sargento de Armas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *